Postagem em destaque

LINHA STAR WARS DA IRON STUDIOS

Fundada em 2010 a empresa IRON STUDIOS é a primeira no Brasil a focar 100% dos seus trabalhos em produtos para colecionadores. No...

16 de maio de 2018

Assistimos Han Solo: Uma História de Star Wars



A MONTANHA RUSSA ESTÁ DE VOLTA! 

Com essas palavras inicio minha crítica sobre Solo: Uma história Star Wars. 

Lá pelo final dos anos 70 e inicio dos 80 surgiu uma onda de jovens cineastas com uma bagagem de Historias em Quadrinhos, Seriados de Matiné (Aqueles em que Flash Gordon sempre terminava em perigo mortal para ressurgir inteiro no episódio seguinte) e muita, mas muita TV dos anos 60 / Irwin Allen. 

Os maiores dessa Geração de Malucos eram Steven Spielberg e George Lucas. 
Juntos eles nos presentearam com Tubarão, E.T., Goonies, Indiana Jones, De volta para o Futuro, e é claro, um dos mais brilhantes e presentes: Star Wars!!! Hoje sob a tutela e tratada com muito carinho pela Disney. 

O que esses filmes tinham em comum? AÇÃO DESENFREADA! 
A crítica da época batizou esse estilo de MONTANHA RUSSA. 



Um estilo que privilegia a ação e a narrativa dinâmica. Um estilo aonde os personagens vão se desenvolvendo durante a Trama Frenética, pois, muito antes de se falar tanto na tal Jornada do Herói, esses cineastas sabiam que, num filme de duas horas e meia, o tempo é crucial. 

E é a ação que conta a história. Pois cinema é Imagem em Movimento! Graças a Força, Ron Howard viveu essa época e trouxe isso à tona em seu “SOLO”. 

A Montanha Russa de Emoções está lá com um Han Solo, muito bem defendido por Alden Ehreich, pulando da Panela para a Frigideira cena após cena, minuto após minuto, frame após frame!. É uma perfeita e deliciosa mistura de nostalgia e muita diversão! Por algumas horas sentimos a sensação de voltar aos anos 80, como se tudo lá fora parasse para que possamos nos deliciar este momento! Ao sair do cinema a sensação é uma pontinha de saudade de nossos velhos amigos! 

Os personagens que tanto amamos estão lá intactos, vivos: Chewie, Lando, Han Solo e muitos outros visitantes de outros Universos do velho George, todos muito bem retratados com muito carinho e que nos fazem crer no mundo jovem em que são apresentados. 

Muitos outros Easter-Eggs salpicam pela tela para o deleite dos fãs enquanto travamos contato com novos e impagáveis personagens. 

Não é apenas uma “Historia Star Wars”. A sensação que temos, é o inicio de algo novo com potencial para andar com as próprias pernas. 

Preparem-se para ter suas cabeças EXPLODIDAS com umas das Revelações mais chocantes desse episódio! Não se preocupem este não é um spoiler e sim um segredo guardado a sete chaves e que você somente vai descobrir quando estiver bem sentadinho na poltrona do cinema! 

Bom, me despeço parafraseando nosso grande Herói… 

Prepare-se para o Salto em Hiperespaço, Chewie!!!

Por Eduardo Jardim

0 comentários:

Postar um comentário

Alianças

Blades CJSP CJSP Star Wars BR The Rebel Legion